Aviação russa intensifica presença na América Latina

Região é uma das mais promissões para ampliação de parceria técnico-militar internacional da Rússia. Além da venda de equipamentos modernos, país deverá implantar sistemas de manutenção e reparo de motores no Brasil e no Peru.

A participação do complexo industrial militar russo nas principais feiras militares do continente aumentou consideravelmente ao longo dos últimos anos. Além da LAAD, no Brasil, o país teve presença maciça na SITDEF, no Peru, e na FIDAE, no Chile.

'Agências russas de notícias furaram bloqueio internacional'

Continua repercutindo a resolução do Parlamento Europeu que equiparou a atuação das mídias internacionais russas à propaganda que a organização terrorista Daesh (o autodenominado Estado Islâmico) faz de si mesmo. A resolução, apresentada pela deputada polonesa Anna Elzbieta Fotyga, afirma que a Rússia faz propaganda contra a União Europeia.

Rosneft iniciará perfuração na Bacia do Solimões

Objetivo de petrolífera russa é obter informações geológicas e confirmar potencial de exploração de hidrocarbonetos.

A filial brasileira da gigante russa do petróleo Rosneft e o conglomerado industrial brasileiro Queiroz Galvão e Gás assinaram um contrato para aluguel de equipamento para perfuração de superfície e serviços relacionados, de acordo com comunicado da primeira à imprensa.

De acordo com o texto, a Rosneft pretende iniciar a perfuração da Bacia do Solimões em 9 de janeiro de 2017.

Venezuela quer discutir acordo sobre petróleo com Putin

As autoridades venezuelanas estão dispostas a se reunir com o presidente russo Vladimir Putin para discutir acordos sobre estabilização da situação no mercado de petróleo, declarou hoje (24) o ministro do Petróleo da Venezuela Eulogio del Pino

O ministro destacou a importância desses acordos incluírem países não membros da OPEP, sendo o principal deles a Rússia.

"Se for necessário, queremos nos reunir com o presidente Putin para explicar a ele os acordos sobre quais estamos trabalhando" – escreveu del Pino em sua conta oficial no Twitter.

Jornalistas brasileiros reagem à resolução do Parlamento Europeu contra a mídia russa

"Este tipo de comparação é totalmente inadequado, causa indignação e não faz o menor sentido", disse o jornalista Jesus Chediak, diretor do Departamento de Cultura da ABI – Associação Brasileira de Imprensa, ao comentar a resolução do Parlamento Europeu que comparou a Rússia ao Daesh.

O projeto de resolução foi apresentado pela deputada polonesa Anna Elzbieta Fotyga. O documento afirma que a Rússia faz propaganda contra a União Europeia e que seus métodos são comparáveis aos do Daesh, a organização terrorista autodenominada Estado Islâmico.

Documentário de Oliver Stone acusa EUA por revoluções na Ucrânia

Filme veiculado em rede nacional na Rússia defende que levantes de 2004 e 2014 na Ucrânia foram influenciados por Washington.

Um novo documentário polêmico produzido pelo diretor norte-americano Oliver Stone e transmitido na televisão russa apresenta as revoluções ucranianas de 2004 e 2014 como revoltas instigadas e planejadas com a participação dos EUA.

'Pior não pode ser': Moscou está disposta a melhorar relações com EUA

Moscou está disposta a construir relações mutuamente vantajosas e em pé de igualdade com os EUA e conta com a reciprocidade de Washington. Contudo, a parte russa destaca que o termo "reinicialização" se viu comprometido, declarou o porta-voz do presidente russo, Dmitry Peskov.

Anteriormente, o presidente eleito dos EUA, Donald Trump, disse que gostaria de ter boas relações com líder russo Vladimir Putin, mas que não apoia a ideia de "reinicialização" das relações entre Moscou e Washington.

Tags: 

Por que todo Oriente Médio lucrará com base naval russa na Síria?

A Rússia reforçará as suas capacidades no combate ao terrorismo, modernizando e aperfeiçoando as suas facilidades no porto sírio de Tartus, disse à agência russa RIA Novosti o general egípcio Gamal Mazlum, acrescentando que Moscou ajudará outros países no Oriente Médio e na África do Norte de combater os grupos radicais.

"O acordo sobre a criação da base reforçará as capacidades russas na luta contra o terrorismo", disse o militar.

O passo também terá um impacto em toda a região.

Páginas