Exportadora russa destaca interesse da América Latina por seus helicópteros

Vários países latino-americanos se interessaram em adquirir helicópteros russos, assegurou Aleksandr Denisov, diretor de marketing da Rosoboronexport, a maior empresa exportadora russa de produtos, tecnologias e serviços militares e de defesa.

O alto funcionário encabeçou a delegação da Rússia na Feira Aeroespacial México 2017 (FAMEX 2017), que ocorreu na capital mexicana entre 26 e 29 de abril, onde a Rússia participou pela primeira vez.

"Recebemos solicitações do Paraguai e Chile quanto aos helicópteros Ansat e lhes entregamos uma proposta comercial que esperamos ser aceita pelos países em questão", disse Denisov.

Segundo ele, a quantidade de mercadorias, data de entrega e outros parâmetros serão definidos durante as negociações.

Além disso, o representante russo adicionou que Bolívia está estudando uma oferta de compra dos Mi-17.

Colômbia está negociando a modernização de seus helicópteros Mi-17V-5, destacou o funcionário.

"Rússia também está disposta a fornecer para a Colômbia um novo lote deste modelo", sublinhou Denisov.

O representante da Rosoboronexport espera também que seja concretizada a venda de uma série de helicópteros Mi-35M para o Brasil.

A Rosoboronexport é responsável por 85% das exportações militares da Rússia.

No ano passado, Rosoboronexport lucrou 13.000 milhões de dólares com a exportação de produtos, tecnologias e serviços militares e de defesa.

Fonte: https://br.sputniknews.com/defesa/201705028292030-america-latina-compra-helicopteros/