Sanções

Rússia não levantará sanções a carne brasileira

Serviço Federal de Controle Veterinário e Fitosanitário (Rosselkhoznadzor) nega que a autorização para exportar trigo ao Brasil tenha sido moeda de troca para importação de carne do país.

Neste ano, devido a problemas na colheita, o Brasil terá que comprar mais de 7 milhões de toneladas de trigo. Assim, a decisão das autoridades de diminuir as restrições sobre as importações da Rússia parece compreensível.

Economistas revelam que país sofreu mais com as sanções antirrussas

As exportações alemãs estão sofrendo os maiores danos na União Europeia relacionados com as sanções antirrussas, comunica a mídia alemã citando uma pesquisa do Instituto de Economia Global de Kiel.

"A Alemanha sofre quase 40% dos danos comerciais entre os países do Ocidente, enquanto outros grandes atores geopolíticos […] estão sendo afetados de modo muito menor", diz o relatório citado pelo jornal Frankfurter Allgemeine Zeitung.

De acordo com o Instituto, as exportações britânicas para a Rússia caíram 7,9%, as francesas — 4,1%, enquanto as estadunidenses — apenas 0,6%.

Páginas