Copa da Rússia 2018: mais de 2,3 milhões de ingressos já foram solicitados

Mais de 2,3 milhões de ingressos para a Copa do Mundo da FIFA 2018 na Rússia foram pedidos pelos fãs desde o lançamento da segunda fase de vendas em 5 de dezembro, anunciou a FIFA em comunicado na quarta-feira.

"Mais de 2.300.000 ingressos foram solicitados durante a fase 2 de vendas, que começou em 5 de dezembro, com os fãs russos liderando o mapa de nacionalidades seguido por seus homólogos da Argentina, México, Peru, Brasil, Colômbia, EUA, Espanha, Alemanha, Egito e China", diz a declaração.

BRICS podem lançar plataforma de pesquisa energética conjunta em 2018

Os países do grupo BRICS (Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul) estão estudando a possibilidade de iniciar em 2018 uma plataforma comum para pesquisas energéticas. A informação foi divulgada pelo vice-ministro de Energia da Rússia, Anton Inyutsyn.

"Planejamos examinar em 2018 no fórum da Semana de Energia da Rússia a possibilidade de realizar uma sessão especial com os ministros do setor e as empresas de energia do BRICS", disse Inyutsyn em comunicado.

Acordo para corte de produção de petróleo pode ir além de 2018, diz Rosneft

Um acordo global para cortar a produção de petróleo pode ser estendido para além de 2018, disse Pavel Fedorov, primeiro vice-presidente da maior produtora de petróleo da Rússia, a Rosneft, nesta segunda-feira, apresentando a estratégia da companhia até 2022.

A Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) e outros grandes produtores liderados pela Rússia concordaram no mês passado em estender o acordo de redução de produção até o fim de 2018, com a possibilidade de revisá-lo em junho.

Trump gostaria de receber ajuda da Rússia no que diz respeito à Coreia do Norte

O presidente norte-americano, Donald Trump, afirmou que gostaria que a Rússia ajudasse na resolução do problema ao redor da Coreia do Norte, informou a agência Reuters.

"Adoraríamos receber a ajuda em relação à Coreia do Norte. A China está ajudando, a Rússia não está. Gostaríamos de contar com ajuda da Rússia, é muito importante", disse Trump em entrevista a jornalistas quando perguntado sobre a conversa telefônica com o presidente russo que aconteceu na quinta-feira (14).

Rússia e China podem vir a arquitetar apocalipse do bitcoin em 2018

Moscou e Pequim tomarão medidas bruscas contra o bitcoin, o que resultará no colapso da criptomoeda no ano que vem, prevê Saxo Bank. Todos os anos, no mês de dezembro, este banco faz previsões absurdas.

O Saxo Bank prevê que, em 2018, cada bitcoin vá custar US$ 60 mil (R$ 199 mil, na conversão atual) com capitalização de mercado superior a 1 trilhão de dólares (R$ 3,3 trilhões, na conversão atual). Depois da façanha da moeda virtual, de acordo com o banco, a Rússia e a China vão unir forças para atacá-la.

Economistas revelam que país sofreu mais com as sanções antirrussas

As exportações alemãs estão sofrendo os maiores danos na União Europeia relacionados com as sanções antirrussas, comunica a mídia alemã citando uma pesquisa do Instituto de Economia Global de Kiel.

"A Alemanha sofre quase 40% dos danos comerciais entre os países do Ocidente, enquanto outros grandes atores geopolíticos […] estão sendo afetados de modo muito menor", diz o relatório citado pelo jornal Frankfurter Allgemeine Zeitung.

De acordo com o Instituto, as exportações britânicas para a Rússia caíram 7,9%, as francesas — 4,1%, enquanto as estadunidenses — apenas 0,6%.

Futebol de areia: presidente do Lokomotiv revela o segredo do sucesso do futebol russo

Sputnik Brasil conversou com o presidente do time de futebol de areia do Lokomotiv sobre a situação do esporte na Rússia. A equipe está no Brasil para participar do 5º Mundialito de clubes de beach soccer.

Este ano a sede do Torneio Internacional de clubes de futebol de areia — 5º Mundialito de clubes de beach soccer — é a cidade de Vargem Grande Paulista, na região metropolitana de São Paulo. O evento será realizado entre os dias 14 e 17 de dezembro.

Páginas