RÚSSIA DIZ ESTAR PREPARADA PARA SUPORTAR BAIXO PREÇO DO PETRÓLEO POR ATÉ 10 ANOS

RÚSSIA DIZ ESTAR PREPARADA PARA SUPORTAR BAIXO PREÇO DO PETRÓLEO POR ATÉ 10 ANOS

O mais recente discurso da Rússia na manhã desta segunda-feira (9) trouxe ainda mais tensão ao já nervoso e tenso mercado financeiro global. O Ministério de Finanças do país anunciou que pode suportar por uma longa e gelada guerra de preços do barril de petróleo. Segundo a pasta, comanda por Anton Siluanov (foto), a Rússia conseguirá conviver com o valor do insumo de US$ 25 a US$ 30 por um período entre seis e dez anos. Pode-se dizer que estamos diante de uma reedição da Guerra Fria, só que dessa vez travada entre russos e a Organização dos Países Exportadores de Petróleo (OPEP).

Conforme estamos noticiando desde a noite de ontem, a Rússia e a OPEP não chegaram a um acordo em suas negociações de redução na produção de óleo. Por isso, a Arábia Saudita anunciou que iria abaixar os preços e aumentar a atividade em seus campos. Foi o estopim para diminuir a cotação do produto e provocar quedas severas em bolsas de valores nos quatro cantos do planeta. Aqui no Brasil, conforme informamos mais cedo, a Bolsa de Valores B3 chegou a interromper o pregão após um tombo de 10%.

O plano da OPEP é forçar uma queda nos preços da commodity para criar pressão em países exportadores, como a Rússia. A Arábia Saudita, que lidera o cartel, quer forçar os russos à voltarem às negociações para estender o acordo de cortes do produção de petróleo.

Contudo, nesse tabuleiro de xadrez, o governo da Rússia declarou que pode utilizar recursos do seu Fundo Nacional de Riqueza para assegurar a estabilidade macroeconômica, caso os preços do petróleo continuem baixos por muito tempo.

Fonte: Petronoticias

Leave a comment

Send a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *